Comunicação Generativa - Apresentação


O que é Comunicação Generativa?

A Comunicação Generativa é considerada a terceira geração das intervenções pessoais, depois das psicoterapias (primeira geração) e do coaching tradicional (segunda geração). 

A Comunicação Generativa (CoGen) é a mais ampla, efetiva e elegante forma de mudança pessoal. 

O CoGen é sistêmico: atua sobre a mente e o corpo; estados emocionais e comportamentos; crenças, valores e identidade além de atuar na relação do ser humano com o seu Universo. Através das ferramentas e técnicas da Programação Neurolinguística (PNL), da Hipnose Ericksoniana e da criatividade humana, o CoGen cria um espaço de intervenção junto ao seu cliente comunicando-se com a mente inconsciente do cliente onde se encontram os recursos fundamentais para o processo de criação de novos "mapas" e, assim, efetivando a mudança desejada.






Formação em Comunicação Generativa

A Comunicação Generativa é considerada a terceira geração das intervenções pessoais, depois das psicoterapias (primeira geração) e do coaching tradicional (segunda geração).

 Esta formação envolve fazer o nível Practitioner da Formação Clássica em PNL, o CoGen Practitioner (Comunicação Generativa), o Master Practitioner e o CoGen Master. Assim, você será um legítimo e qualificado ​CoGen, o Comunicador Generativo. Veja abaixo como é esta sequência:






CoGeneration

Cogeneration designa a geração de praticantes da Comunicação Generativa. A Comunicação Generativa é um modelo de intervenção pessoal bem como um conjunto de práticas que existe para servir às pessoas que desejam mudar resultados em suas vidas. Seja como profissional que atua na área das intervenções pessoais (coaching, terapias e etc.), seja como ser humano que deseja aprender como acessar a sua essência, seus recursos e todas as experiências realizadoras da mente inconsciente. 

 

        Como afirma Robert Dilts: nossa maior meta no nível de identidade é, continuamente, responder à pergunta "Quem sou eu?" Quando estamos centrados, presentes em nossos corpos e conectados em nós mesmos e o mundo à nossa volta, entramos, naturalmente, em contato com o propósito e significado de nossa vida. E aí não precisamos responder à pergunta, apenas vivenciar a resposta.      

 

        O maior dilema de nossas vidas que atua contra nossa auto evolução natural e satisfação é que estamos desconectados de nós mesmos com o objetivo de nos protegermos. Por isso, perdemos contato com nossas verdadeiras necessidades e nos refugiamos em atividades e comportamentos que nos mantêm desconectados. Tornamo-nos reativos ou retraídos e começamos a criar estratégias de proteção. Fugimos daquilo que tememos em vez de ficarmos em contato com o que queremos fazer e ser em nossas vidas. Isso conduz a várias dinâmicas que nos faz viver abaixo de nossa completude. Essas dinâmicas que, com frequência, são inconscientes incluem:

 

1.    Apego a um "self" idealizado (aquele que sentimos que devemos ser para sermos amados e ganhar aprovação).

2.    Identificação com pensamentos, crenças e histórias que limitam a expressão da nossa verdadeira identidade.

3.    Dificuldade de entender como nos relacionar com sentimentos difíceis (frustração, medo, ira, dúvida etc.) que emergem como uma resposta natural à vida.

 

         "Aprendi que é preciso me conectar comigo mesmo para saber quem eu sou; e quando consigo viver esta experiência não preciso mais saber ou pensar e, muito menos, compreender. Apenas viver. 

Aprendi que posso conectar-me a mim mesmo através do outro. Assim, quando consigo uma conexão pura com o outro, sem julgamento ou necessidade de compreender, estou na verdade encontrando a mim mesmo. Através do outro eu me encontro. 

Eu só tenho a agradecer aos meus clientes e alunos, pois quando eles me permitem vivenciar a experiência da Comunicação Generativa eu aprendo, cresço e vivo. Eu encontro a minha cura na cura do outro." Prof. Marcos Brasil Moraes

 

 

        O professor transformacional Richard Moss ressalta que a distância entre nós e os outros é precisamente a distância entre nós e nós mesmos. Isto implica que o modo como nos relacionamos com os outros e com o mundo à nossa volta é um espelho de como nos relacionamos conosco. É a partir deste relacionamento conosco que emergem nossos relacionamentos com os outros e com o mundo. Quando cada pessoa está conectada consigo mesma e presente um com o outro, os sentimentos que naturalmente emergem são compaixão, empatia, genuíno interesse mútuo, espontaneidade, autenticidade e alegria.

Estes sentimentos são a base para todos os relacionamentos efetivos pessoais e profissionais.

 

Esta é a base da Filosofia Comunicação Generativa.

 

*Filosofia de vida é a expressão usada para descrever o coletivo de atitudes ou ideias que compõe a vida de uma pessoa ou grupo de indivíduos. O significado de filosofia de vida é diferente do significado de filosofia, a ciência, que estuda o conhecimento, o saber e a conduta humana.






ENTRE EM CONTATO

Escola Livre RS - Rua Frederico Mentz, 1561 bloco C sala 203 - DC Shopping Navegantes - Porto Alegre
Como Chegar

Escola Livre MG - Rua dos Carrijos, 311, Sala 10 - Edifício Victória Center - Uberlândia
Como Chegar

RS - Escola Livre Porto Alegre
Telefone: (51) 3085-8668 / (51) 3391-8668
E-mail: escolalivre@portalescolalivre.com.br

MG - Escola Livre Uberlândia
Celular: (34) 98418-2095
E-mail: escolalivremg@portalescolalivre.com.br

Cadastro

Cadastre seu e-mail para ficar por dentro de toda a programação da Escola Livre: formações, cursos, palestras e demais eventos. Participe!